quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

SENHORA | AUTOR: JOSÉ DE ALENCAR | RESENHA E INTERPRETAÇÃO DE CENA



Título: Senhora | Autor: José de Alencar
Editora: Avenida Gráfica | Ano: 2005 | Páginas: 256
Nota: ✮✮✮✮✮

Eu tenho um grande carinho por essa obra desde que li ainda na escola, algumas cenas são bem marcantes para mim e se tornou ainda mais especial depois que assisti a novela Essas mulheres e a história foi interpretada pelos atores Cristine Fernandes e Gabriel Braga Nunes. Sentindo grande saudade, decidi reler e compartilhar com vocês essa indicação de leitura, espero que vocês gostem. 
SINOPSE
'Senhora' apresenta um interessante retrato da vida da alta sociedade do Segundo Reinado. Ao mesmo tempo em que conta a história do amor que une e separa Aurélia e Seixas, faz uma crítica ao uso do casamento como meio de ascensão social. Além do texto completo da obra, você encontra 12 páginas complementares contendo informações do autor e dos personagens, além de curiosidades, dicas, contexto histórico e questões de vestibular.


Aproveita que esse livro é cobrado nas escolas e em exames, para unir o útil ao agradável e se apaixonar perdidamente. A linguagem claro é formal, e pode aparecer algumas palavras que talvez não seja comum no vocabulário atual, já que esse livro foi escrito em 1874, seus avós ainda nem tinham nascido e o autor já despertava suspiros das moças daquela época. A história se passa no Rio de Janeiro, ambientada durante o Império.


HISTÓRIA

Aurélia Camargo, filha de uma pobre costureira e órfã de pai,depois de perder seu irmão apaixonou-se por Fernando Seixas – homem ambicioso - a quem namorou. Este, porém, desfaz a relação, movido pela vontade de se casar com uma moça rica, Adelaide Amaral, e pelo dote ao qual teria direito de receber.

Passado algum tempo, Aurélia, já órfã de mãe também, recebe uma grande herança do avô e ascende socialmente.Passa, pois, a ser figura de destaque nos eventos da sociedade da época. Dividida entre o amor e o orgulho ferido, ela encarrega seu tutor e tio, Lemos, de negociar seu casamento com Fernando por um dote de cem contos de réis. O acordo realizado inclui, como uma de suas cláusulas, o desconhecimento da identidade da noiva por parte do contratado até as vésperas do casamento.

Ao descobrir que sua noiva é Aurélia, Fernando fica muito feliz, pois, na verdade, nunca deixou de amá-la. A jovem, porém, na noite de núpcias, deixa claro: "comprou-o" para representar o papel de marido que uma mulher na sua posição social deve ter.


ANÁLISE

É um romance urbano, uma crônica de costumes, um retrato da corte e da sociedade fluminense da segunda metade do século 19, dando enfoque a própria época que o autor viveu. O autor critica os costumes dessa sociedade, do casamento de conveniências e arranjado, dos tratos sociais baseados em aparências e hierarquias. Só tinha vez, quem tinha poder e dinheiro.     



Uma leitura que com certeza vale a pena conhecer e compartilhar !!!



LEIA ONLINE (Obra de Domínio Público)

Ou adquira o livro, disponível nas principais lojas virtuais:
AMAZON | CULTURA | SARAIVA | SUBMARINO


SOBRE O AUTOR






José de Alencar (1829-1877) foi um romancista, dramaturgo, jornalista, advogado e político brasileiro. Foi um dos maiores representantes da corrente literária indianista. Destacou-se na carreira literária com a publicação do romance "O Guarani", em forma de folhetim, no Diário do Rio de Janeiro, onde alcançou enorme sucesso. Seu romance "O Guarani" serviu de inspiração ao músico Carlos Gomes que compôs a ópera O Guarani. Foi escolhido por Machado de Assis para patrono da Cadeira nº23 da Academia Brasileira de Letras. 

Ele criou uma literatura nacionalista onde se evidencia uma maneira de sentir e pensar tipicamente brasileiras. Suas obras são especialmente bem sucedidas quando o autor transporta a tradição indígena para a ficção. Tão grande foi a preocupação de José de Alencar em retratar sua terra e seu povo que muitas das páginas de seus romances relatam mitos, lendas, tradições, festas religiosas, usos e costumes observados pessoalmente por ele com o intuito de cada vez mais abrasileirar seus textos.


Sobre Lorena Caribé

Olá! Meu nome é Lorena. Estarei compartilhando nesse blog comentários e indicações de leituras. Continuem visitando para novas atualizações!!! E-MAIL: aventuraliteraria@hotmail.com

POSTAGENS RELACIONADAS

Comente com o Facebook:

3 comentários:

  1. Lembro de quando li essa obra no ensino médio e que foi umas das que me fez gostar de clássicos, pretendo reler pra sentir a mesma sensação da primeira vez. <3 Ótima resenha.
    Ah, eu vi o seu blog no grupo do facebook Blogs Literários e escolhi alguns pra indicar em uma tag, o seu foi um deles, espero que não se importe.
    Beijos e sucesso!

    http://sonhandoatravesdepalavras.blogspot.com.br/2016/02/tag-esse-ou-esse.html

    ResponderExcluir
  2. Nossa, gostei muito do vídeo!! Esse livro foi o sorteado pela minha TBRJar, e faz muito tempo que quero lê-lo. Seu vídeo me deu mais vontade ainda. Qual é o nome da novela que você citou?
    beijos!
    http://virtualcheckin.blogspot.com

    ResponderExcluir